Deprecated: Assigning the return value of new by reference is deprecated in /home/content/30/3256230/html/personaltrainer/wp-settings.php on line 517

Deprecated: Assigning the return value of new by reference is deprecated in /home/content/30/3256230/html/personaltrainer/wp-settings.php on line 532

Deprecated: Assigning the return value of new by reference is deprecated in /home/content/30/3256230/html/personaltrainer/wp-settings.php on line 539

Deprecated: Assigning the return value of new by reference is deprecated in /home/content/30/3256230/html/personaltrainer/wp-settings.php on line 575

Strict Standards: Declaration of Walker_Page::start_lvl() should be compatible with Walker::start_lvl(&$output) in /home/content/30/3256230/html/personaltrainer/wp-includes/classes.php on line 594

Strict Standards: Declaration of Walker_Page::end_lvl() should be compatible with Walker::end_lvl(&$output) in /home/content/30/3256230/html/personaltrainer/wp-includes/classes.php on line 594

Strict Standards: Declaration of Walker_Page::start_el() should be compatible with Walker::start_el(&$output) in /home/content/30/3256230/html/personaltrainer/wp-includes/classes.php on line 594

Strict Standards: Declaration of Walker_Page::end_el() should be compatible with Walker::end_el(&$output) in /home/content/30/3256230/html/personaltrainer/wp-includes/classes.php on line 594

Strict Standards: Declaration of Walker_PageDropdown::start_el() should be compatible with Walker::start_el(&$output) in /home/content/30/3256230/html/personaltrainer/wp-includes/classes.php on line 611

Strict Standards: Declaration of Walker_Category::start_lvl() should be compatible with Walker::start_lvl(&$output) in /home/content/30/3256230/html/personaltrainer/wp-includes/classes.php on line 705

Strict Standards: Declaration of Walker_Category::end_lvl() should be compatible with Walker::end_lvl(&$output) in /home/content/30/3256230/html/personaltrainer/wp-includes/classes.php on line 705

Strict Standards: Declaration of Walker_Category::start_el() should be compatible with Walker::start_el(&$output) in /home/content/30/3256230/html/personaltrainer/wp-includes/classes.php on line 705

Strict Standards: Declaration of Walker_Category::end_el() should be compatible with Walker::end_el(&$output) in /home/content/30/3256230/html/personaltrainer/wp-includes/classes.php on line 705

Strict Standards: Declaration of Walker_CategoryDropdown::start_el() should be compatible with Walker::start_el(&$output) in /home/content/30/3256230/html/personaltrainer/wp-includes/classes.php on line 728

Strict Standards: Redefining already defined constructor for class wpdb in /home/content/30/3256230/html/personaltrainer/wp-includes/wp-db.php on line 316

Deprecated: Assigning the return value of new by reference is deprecated in /home/content/30/3256230/html/personaltrainer/wp-includes/cache.php on line 103

Strict Standards: Redefining already defined constructor for class WP_Object_Cache in /home/content/30/3256230/html/personaltrainer/wp-includes/cache.php on line 425

Deprecated: Assigning the return value of new by reference is deprecated in /home/content/30/3256230/html/personaltrainer/wp-includes/query.php on line 21

Deprecated: Assigning the return value of new by reference is deprecated in /home/content/30/3256230/html/personaltrainer/wp-includes/theme.php on line 623

Strict Standards: Redefining already defined constructor for class WP_Dependencies in /home/content/30/3256230/html/personaltrainer/wp-includes/class.wp-dependencies.php on line 15
 Personal Trainer BRAZIL | Bronzeamento e Dor por Queimaduras de Sol
// you’re reading...

Artigos

Bronzeamento e Dor por Queimaduras de Sol

Como o Personal Trainer Brazil sabe que além de ter um corpo sarado as pessoas também querem ter uma “corzinha” este artigo nos mostrará os cuidados de devemos ter com nossa exposição ao sol.

O sol. As pessoas o tem venerado por milhares de anos. Mas somente no ultimo século as pessoas tem venerado o sol cozinhando-se para conseguir um bronzeado ou, como é mais frequente, para conseguir uma queimadura vermelha das bravas. Mas o sol pode causar mais prejuízo que só uma queimadura dolorosa. Os dermatologistas dizem que a exposição prolongada aos raios solares causa manchas marrons; manchas escamosas vermelhas; resseca e enruga a pele. O pior de tudo é que pode causar câncer da pele.

Mesmo que poucas coisas possam penetrar na camada exterior da pele (epiderme), os raios ultravioleta do sol facilmente atravessam essa camada e danificam as células e as estruturas que estão por baixo. Os raios ultravioleta são de dois tipos: Ultravioleta A (UVA), os chamados “raios do bronzeado”, que não causam queimaduras, e os ultravioleta B (UVB), os “raios que queimam”. Os raios UVA podem passar através dos vidros da janelas dos carros, casas, e escritórios, mas os UVB não podem fazê-lo. Ambos os tipos de raios penetram na camada exterior da pele e causam prejuízo.

Os raios ultravioleta que passam através da epiderme fazem com que as células produtoras do pigmento chamado melanócito produzam um pigmento marrom (melanina). Este é o esforço que faz a pele para proteger-se dos raios invasores e para evitar mais prejuízo às estruturas da pele. Com que quantidade e com que rapidez os melanócitos podem produzir pigmento depende principalmente da sua estrutura genética. As pessoas de pele escura produzem melanina com mais facilidade, enquanto que as pessoas de pele clara, especialmente as do norte da Europa e os orientais, não a produzem tão bem ou a produzem em manchas que parecem sardas. Essas pessoas não se bronzeiam, independente da

sua insistência e tendem a “fritar-se rápido”, se queimando com facilidade mesmo com exposição leve ao sol.

Se sua pele não produz bem o pigmento protetor melanina, ou se você se expôs demais ao sol antes do pigmento ser produzido e conseguiu se dispersar, os raios ultravioletas danificarão as células epidérmicas, “Os raios do sol na realidade fazem com que as células da pele morram”, diz o Dr. James Shaw, chefe da Divisão de Dermatologia no Hospital e Centro Médico Good Samaritan, e professor adjunto de clínica médica na Universidade de Ciências da Saúde de Oregon, ambos em Portland. “Mesmo que você somente desenvolva um avermelhamento moderado, está matando a camada superior de sua pele da mesma forma que faria uma queimadura térmica quando tocasse algo quente”.

O prejuízo nas células da pele é mais comum nas pessoas de pele clara, e o efeito imediato é uma queimadura de sol. Com o tempo., os efeitos podem ser muito mais sérios áreas com manchas marrons e inclusive câncer de pele.

A luz ultravioleta também pode danificar a derme, a camada de pele que dá à pele sua forma, sua textura, sua força, e sua elasticidade, A luz do sol rompe a estrutura grossa e forte dos tecidos da derme, e a torna frágil, fina, e menos elástica, e além do mais faz com que se torne enrugada e flácida.

Você provavelmente nunca iria se expor outra vez a uma queimadura de sol se pudesse ver no microscópio o dramático prejuízo em sua pele, as células estão enrugadas e mortas; o que anteriormente era um tecido vermelho e grosso agora está moído e fornia uma pasta cinza; os vasos sanguíneos superficiais, de paredes delgadas, estão dilatados e podem estar soltando líquidos; e as sequências de ADN, o “software” que diz à pele como reparar-se e como dividir a si mesma, estão machucados, o que faz com que a pele produza células anormais pré-cancerosas, e, em alguns casos, células cancerosas.

Muitos de nós não damos importância às advertências fúnebres e pessimistas a respeito da exposição ao sol. Depois de tudo, esse bronzeado se torna magnífico. Se você tem se exposto muito ao sol e acaba com uma queimadura, os seguintes remédios podem fazer com que se sinta melhor até que a mãe natureza sare a queimadura. No entanto, saiba que os remédios que apresentamos aqui não podem reverter os prejuízos causados pelos raios do sol.

“Uma vez que você já se expôs demais ao sol”, diz o Dr. Shaw, “o prejuízo da pele já está feito. Mas você mesmo pode fazer com que se sinta melhor enquanto espera que melhore por si só”.

Aplique compressas frias na pele. O Dr. Shaw aconselha usar compressas frias para ajudar a acalmar a dor de uma queimadura de sol. Para fazer isto, molhe um pano em água fria e aplique-o dirctamente nas áreas queimadas. Não use gelo na pele queimada pelo sol. Volte a molhar a compressa com frequência e aplique várias vezes ao dia. Você também pode adicionar à compressa fria um ingrediente calmante, como bicarbonato de sódio ou farinha de aveia. Ou coloque farinha de aveia seca cm um tecido bem fino ou um pedaço de gaze e deixe de molho com água da torneira. Em seguida tire a farinha de aveia, molhe a compressa na água da aveia e aplique na pele.

Fique longe do sol. A pele queimada pelo sol é muito mais vulnerável a se queimar. “Mantenha-se debaixo de um teto e fora do sol por vários dias depois de ter se queimado”, diz a Dra. Margaret Robertson, dermatologista com consultório particular em Lake Oswego, Oregon. Saiba que quando você está fora durante o dia, mesmo estando na sombra, está se expondo à luz ultravioleta. Mesmo que a sombra de uma árvore ou um guarda-sol pode ajudar, uma grande parte da luz solar a qual sua pele está exposta, vêm da luz que se reflete das superfícies como concreto, areia, e das próprias coberturas dos barcos. Os raios ultravioleta também podem penetrar pela roupa. Até 50 por cento dos raios prejudiciais do sol podem atravessar a roupa. Portanto se já está queimado pelo sol, o melhor lugar para você é debaixo de um teto.

Além de evitar o sol quando tem uma queimadura, a Dra. Robertson diz que é importante que se mantenha refrescado. Uma queimadura faz com que os copos sanguíneos da pele se dilatem e que realmente irradiem calor de sua pele. Você estará mais cómodo se baixar a temperatura do quarto e se mantém refrescado no interior. Portanto, ligue o ar condicionado ou ligue um ventilador.

Refresque-se molhando. Uma boa maneira de refrescar a queimadura, diz o Dr. Shaw, especialmente se a queimadura é extensa, é molhar-se numa banheira de água fresca. Evite asar sabão, que pode irritar e ressecar a pele. Se você sente que tem que usar sabão, use um sabão suave, como Dove ou Aveeno Bar, e enxágiie bem. Definitivamente, não use nenhum pano nem esponja de banho. Depois, seque o corpo dando leves palmadinhas com uma toalha suave.

A Dra. Robertson diz que ela prefere as duchas frescas aos banhos de imersão para tratar as queimaduras de sol. “Se você se molha por muito tempo numa banheira”, ela explica, “pode ressecar a pele e vai descascar mais”.

Coloque um pouco de farinha de aveia. O Dr. Frank Parker, professor e diretor do Departamento de dermatologia na Universidade de Ciências da Saúde de Oregon, em Portland, também gosta da ideia do banho frio, mas sugere que coloque calmantes para a pele como farinha de aveia e bicarbonato de sódio, na banheira. Prepare a farinha de aveia como a faria para uma compressa de aveia envolva farinha de aveia seca num tecido leve ou num pedaço de gaze e molhe com água da torneira, em seguida tire a farinha de aveia. Outra maneira de fazer isto é comprar talco de Aveno, um talco de aveia, na farmácia local ou loja de produtos naturais; siga as instruções da embalagem. Se usar bicarbonato de sódio coloque uma boa quantidade na água. Mantenha de molho por somente 15 a 20 minutos para evitar secar demais a pele. Quando sair, deixe que a água seque sozinha na pele já que dessa forma não irá tirar o bicarbonato de sódio ou a farinha de aveia.

Olá doutor

Mesmo que a maioria das queimaduras de sol possam ser tratadas de maneira eficaz em casa, com os remédios que aqui se descrevem , você deve consultar o médico se:

• Está com muitas bolhas.

Tem o corpo totalmente queimado.

• Suas bolhas se rompem e se infectam.

Tem calafrios e febre, e se sente tonto

• Sente-se mal, como se tivesse gripe.

A dor e a coceira piora depois das primeiras 24 horas.

Proteja-se do sol

Por anos, temos escutado os médicos advertirem sobre os efeitos do sol que ressecam, causam rugas, queimam, e também causam câncer. Muitos de nós não damos importância a essas advertências porque um bronzeado de cor dourada parece magnífico. Mas recentemente, os cientistas têm descoberto que o mal pode ser pior do que pensávamos.

Os cientistas sabem que a camada de ozônio da Terra, uma camada de gás que absorve a luz ultravioleta e nos protege de grande parte dos efeitos prejudiciais do sol, está se destruindo a uma velocidade alarmante. Originalmente, os cientistas acreditavam que a redução do ozônio se localizava somente sobre o despovoado Polo Sul. A Austrália, perto do Polo Sul, já tem as taxas mais alias do mundo do mortal câncer de pele (melanoma). Agora, novas evidências da administração Nacional da Aeronáutica e do espaço (NASA), parecem sugerir que, na próxima década, na camada de ozônio, poderão ser formados buracos que se estenderão sobre as partes mais ao norte dos Estados Unidos, Canadá, Europa, e Rússia.

A Fundação do Câncer de Pele diz que um entre cada três canceres que irá ser diagnosticado este ano será câncer de pele. Um de cada seis americanos irá ter câncer da pele durante sua vida. Em 1991, uma entre 105 pessoas desenvolveu melanoma, a forma mais mortal do câncer da pele; isso é mais do dobro dos diagnosticados em 1980.

Felizmente, há muito que você pode fazer para proteger sua pele dos efeitos prejudiciais do soL

Cubra-se. A fundação do câncer de pele diz que os chapéus e a roupa confeccionada com materiais escuros de tecido fino, absorvem a luz ultravioleta melhor que os tecidos de algodão de tons mais claros. Os tecidos secos oferecem mais proteção que os úmidos,

Coloque filtro solar. O Dr. Frank Parker, diz que a pessoa necessita de um filtro solar com um fator de proteção solar de pelo menos 15 unidades. “A pessoa de pele clara sempre deveria usar um filtro solar com um fator de proteção solar (FPS) de 15 a 20 unidades”, ele diz.

Se sua pele é clara, você deve colocar uma camada extra de filtro solar à noite antes de se expor ao sol, diz a Dra.Margaret Robertson. “Se você o coloca na noite anterior, irá ser absorvido pela epiderme “.

Coloque uma camada suficientemente grossa. Aplicar somente uma camada fina de filtro solar com um fator de proteção solar de 15 pode reduzir a eficácia do produto em até 50 por cento. Aplique o filtro solar de 15 a 30 minutos antes de se expor ao sol para permitir que a pele o absorva. E volte a aplicá-lo a cada duas horas com mais frequência se você estiver suando ou se você estiver se molhando.

Proteja suas orelhas. Com muita frequência, a pessoa se esquece de proteger áreas sensíveis como a parte superior das orelhas, a linha do cabelo, o “V” do peito, o nariz e as mãos. A fundação do câncer de pele diz que 80 por cento dos canceres de pele ocorrem na cabeça, no pescoço, e nas mãos, Portanto, a fundação recomenda que você use um chapéu confeccionado com algum material de tecido fino como lona ao invés de um de palha, e que use um filtro solar com um FPS de 15 nas mãos. As superfícies horizontais como o nariz apresentam problemas especiais de proteção solar. Os salva-vidas frequentemente usam pasta de óxido de zinco no nariz, mas isto somente dá uma proteção solar com sete unidades. Ao invés disso, aplique um filtro solar com um FPS de pelo menos 15, deixe por alguns minutos, e, para proteção máxima, em seguida aplique a pasta de óxido de zinco.

Proteja-se da luz refletida. Saiba que mesmo o guarda-sol e as sombras de árvores somente oferecem uma proteção moderada da luz ultravioleta, e que não o protegem dos raios que são refletidos na areia, na neve, no concreto, ou outras superfícies. A água não reflete a luz ultravioleta, mas pode fazer com que penetre facilmente, e, por isso, estar na água também não o protege. Tenha o cuidado de proteger superfícies como a parte inferior do queixo, que é especialmente vulnerável ao reflexo da luz.

Tenha cuidado entre as 10:00 da manhã, e as 3:00 da tarde. Os raios do sol são mais intensos durante essas horas do dia, diz o Dr. Parker. Mantenha-se debaixo de um teto durante esse período, ou se tiver que sair, proíeja-se e use um filtro solar.

Cuide-se nos dias frescos e nublados. A luz ultravioleta pode penetrar pelas nuvens. Tome precauções mesmo que o sol não esteja muito brilhante.

Não deixe que a neve o engane. Durante os meses de inverno, muitas pessoas que desfrutam dessa estação, como os esquiadores, aprendem aos trancos que as grandes altitudes (que tem pouca atmosfera para filtrar os raios do sol), o vento forte, e a neve branca podem ser uma combinação dolorosa. Cubra-se com roupa apropriada e coloque um filtro solar com um FPS de pelo menos 15 unidades. Também não esqueça de usar óculos para o sol, para evitar as “queimaduras de sol” em seus olhos.

Não esqueça dos lábios. Os lábios são muito vulneráveis a luz solar”, diz o Dr, James Shaw. “Muitos cânceres de pele ocorrem nos lábios”. Use um bálsamo para os lábios com pelo menos 8 unidades e reaplique com frequência.

Evite os banhos de sol. “A maioria dos caucasianos não deveriam se bronzear”, diz o Dr. Parker, “Todo o mundo deveria minimizar suas intenções de se bronzear, mas nas pessoas de pele clara, isso realmente não tem sentido. De fato, muitas pessoas de pele clara não podem se bronzear, não importa o quanto façam”.

Se você sente que deve tomar banhos de sol, faça-os lentamente e deixe que sua pele produza a melanina protetora. Não use óleos para bronzear. “É como usar o óleo para fritar a pele”, diz o Dr. Shaw. “Aumentam a luz tltravioleía e podem piorar mais as queimaduras “.

Esteja alerta com afoto-semibilidade. Alguns remédios, como a tetraciclina e os diuréticos, podem fazer com que sua pele seja mais sensível à exposição do sol e aumentar o risco de uma queimadura de sol. Consulte seu médico ou seu farmacêutico sobre essa possibilidade se você estiver tornando algum medicamento.

Não utilize as cabines bronzeadoras. Em sua busca de um bronzeado “sem riscos ” muitas pessoas utilizam as cabines ou as camas bronzeadoras. Mesmo que as companhias que as fabricam digam que suas máquinas de luzes somente produzem radiação UVA, o tipo que não queima, estão longe de ser seguras. “Os raios UVA penetram na pele mais profundamente que os raios UVB, e podem danificar a pele”, explica o Dr. Shaw. “A longo prazo, fazem com que a pele se seque e crie rugas, além de aumentar o risco de câncer de pele “.

Tragam o aloés. O suco espesso e gelatinoso da planta de aloés pode eliminar o ardor e o avermelhamento de uma queimadura de sol, diz o Dr. Shaw, especialmente se você o aplicar imediatamente após uma queimadura nova. “O aloés faz com que os vasos sanguíneos se comprimam e podem eliminar um pouco o avermelhamento e o mal-estar de sua queimadura”, ele diz. A planta de aloés pode ser conseguida nos viveiros. Simplesmente faça um corte em uma das compridas folhas e aplique a gelatina diretamente sobre a queimadura. Aplique de cinco a seis vezes por dia durante vários dias.

Tome um analgésico vendido sem receita. Os analgésicos vendidos sem receita como aspirina e ibuprofeno podem aliviar a dor e reduzir a inflamação de uma queimadura de sol, diz a Dra. Robertson. Tome o remédio nas refeições, segundo está indicado na embalagem. Se você acha que a aspirina ou o

ibuprofeno incomoda seu estômago, experimente tomar urna forma de aspirina com revestimento

entérico. Outra alternativa mais suave para o estômago é o acetaminofen. Mesmo que este medicamento não reduza a inflamação, pelo menos ajuda a acalmar a dor da queimadura de sol.

Beba mais. Você pode se desidratar facilmente quando tem uma queimadura de sol séria. A Dra. Robertson diz que deve beber muitos líquidos, especialmente água, da mesma forma que como se tivesse febre. “É importante manter-se hidratado”, ela diz. “Continue bebendo até que sua urina esteja relativamente clara. Se sua urina estiver turva, pode ser que você não esteja bebendo o suficiente”.

Experimente um anestésico típico. Os anestésicos típicos como Solarcaine podem oferecer algum alívio temporário para a dor e para coceira, diz a Dra. Robertson. Ela recomenda que você procure produtos que contenham Hdocaína, que é menos provável causar reações alérgicas que outros anestésicos. Devido a algumas pessoas terem reações alérgicas a esses produtos, é aconselhável experimentá-los em um área pequena da pele antes de usá-los em todo o corpo.

Os anestésicos típicos podem ser conseguidos em forma de cremes e spray. Os sprays são mais fáceis de colocar nas queimaduras de sol. Se você usa um deles, evite colocar o spray diretamente sobre o rosto. Ao invés disso, coloque o spray sobre uma gaze e passe suavemente em seu rosto.

Obtenha alívio com hidrocortisona. Os cremes ou sprays de hidrocortisona vendidos sem receita podem oferecer alívio temporário à dor e à coceira das queimaduras de sol, diz o Dr. Parker. Procure os que contenham 0,5 ou l por cento de hidrocortisona.

Umedeça. O sol seca a umidade da superfície da pele e faz com que as células e os vasos sanguíneos vazem, o que seca mais ainda a pele. Além do mais, mesmo que os banhos e as compressas frias possam fazê-lo sentir-se melhor, também podem danificar sua pele queimada. Para evitar que resseque, aplique um hidratante imediatamente depois de se molhar, diz o Dr. Shaw. Para um alívio um pouco mais fresco, coloque para esfriar o hidratante na geladeira antes de usá-lo.

Tenha cuidado com as bolhas. Se uma queimadura de sol é muito séria, a pele pode formar bolhas. A Dra. Robertson adverte, “Uma queimadura de sol séria com extensas bolhas pode colocar sua vida em perigo”. Se você tem bolhas extensas, consulte seu médico imediatamente.

Se você somente tem algumas bolhas, tenha cuidado para que não se infectem. Não as arrebente e não tire a camada protetora que elas têm, diz a Dra. Robertson.

Leva tempo. Afinal, o que irá sarar sua queimadura de sol é o tempo, diz a Dra. Robertson. Nenhum produto pode acelerar o processo. Mesmo quando sua queimadura de sol sarar, tenha cuidado com o sol, porque sua pele danificada irí levar vários meses para voltar ao seu normal. Se você toma sol demais quando sua pele estiver sarando, ela irá se queimar mais rápido e irá prejudicar-se ainda mais.

Discussion

No comments for “Bronzeamento e Dor por Queimaduras de Sol”

Post a comment